colapso sistema bancário

Partilhe esta página




nigel farage

 


Com as crescentes preocupações sobre a estabilidade da zona euro, King World News entrevistou o ex-corrector da London Bullion Market Association e actual eurodeputado Nigel Farage, para obter o seu ponto de vista sobre a situação. Farage fez alguns comentários interessantes sobre os italianos moverem grandes quantidades de ouro para a Suíça.

Quando King World News perguntou sobre o caos na Europa, Nigel Farage disse:

“De acordo com personalidades oficiais na Europa e o novo ramo do FMI de Washington, fomos unânimes no facto de que não havia nenhuma perspectiva, e a qualquer momento, o euro estava ameaçado.”

Nigel Farage continua com o seguinte:

“Uma declaração chocante o FMI diz que:

“Há um problema real, e pode haver uma ruptura da zona euro. Isso poderá chegar mais rápido do que pensam.”
Eu vejo isso como uma espécie de rachadura na barragem. Eles sempre usaram o argumento de que o euro deverá continuar a existir, e um indivíduo do FMI veio destruir completamente essa crença. A ruptura pode ser desorganizada porque não há planos de contingência.

O que me deixa bastante irritado.

No entanto, eu sugeri ao Sr. Durão Barroso e Sr. Van Rumpuy que deveríamos desenvolver um plano B. Precisamos preparar-nos para o caso das coisas tomarem outro rumo. O facto é que o funcionário do FMI acredita que não há plano de contingência que sirva ….

“Portanto, o mais provável é que , em algum momento, os mercados afundarão e engolirão tudo a curto prazo, o que levará ao caos: o conjuntos dos bancos centrais internacionais, os fundos do sistema bancário. Começamos a antever o maior esquema de Ponzi que jamais vimos neste planeta!”

É certo que Graves colapsos no sistema bancário irão ocorrer e o impacto em alguns estados soberanos serão graves. Temo que chegamos ao ponto em que não podemos interromper esse processo agora. Estamos a chegar a um estágio onde um monte de dinheiro falso foi criado, o problema torna-se maior do que a possibilidade das pessoas resolverem.

Estamos muito próximos desse ponto.

Quando falo das ameaças e do risco que isso poderia acabar numa espécie de rebelião, uma espécie de cataclismo social terrível, eles (os outros políticos europeus) estão agora muito preocupados.

Eles falarão disso em privado, não em público, ninguém ousa proferir uma palavra.

 

Penso que a deterioração das últimas duas ou três semanas na zona euro, é muito grave: observe os spreads das obrigações em Itália e Espanha.
E o facto que o desemprego jovem é agora superior a 50% em alguns destes países mediterrânicos.

 

Farage também falou sobre os movimentos de ouro italiano :

“No mês passado, foi interessante observar movimentos em massa de lingotes, de bancos italianos para bancos suíços. Portanto, as pessoas que compraram ouro como protecção foram aqueles que mantiveram o ouro em cofres dos bancos italianos. Agora a sua confiança em bancos italianos é tão ruim que eles moveram fisicamente o ouro para a Suíça. Eu ainda estou convencido de que devemos comprar ouro enquanto ele baixa.“

Fonte: Gold-up, King World News

 

 

Ps: Em 2008 durante a visita do Príncipe Carlos ao Parlamento Europeu ,onde discursou sobre interesses corporativos do lobbie das mudanças climáticas , Nigel Farage foi o único deputado que não aplaudiu, classificando o discurso de "ingénuo e tresloucado ". « Pretendem levar por diante o projecto de União Europeia a qualquer custo. Olhem para este anfiteatro, olhem para as vossas caras, vejam que espécie de gente perigosa vocês são! vocês roubam a identidade aos povos, roubam-lhes a democracia e a única coisa que lhes deixam de sobra é nacionalismo e violência »

Ele não tem medo, diz tudo o que pensa. Talvez seja por isso que alguns dias mais tarde sofreu um «acidente» num pequeno avião bimotor, do qual escapou por pura sorte. Tentaram "apagá-lo" ?

    

 

 

 

 

***